Inicio Destaque Artimanhas de laboratórios para enganar os consumidores escancararam o descaso da Anvisa

Artimanhas de laboratórios para enganar os consumidores escancararam o descaso da Anvisa

Nomes e embalagens parecidos para facilitar a troca nos balcões de farmácias: “O laboratório já faz isso pra enganar mesmo!”, esclarece uma farmacêutica e ex-dona de farmácia  em Curuitiba.
Altos investimentos do multinacional Pfizerl em campanhas publicitárias tornaram conhecidos o complexo vitamínico CENTRUM e o slogan “completo de A à Zinco”, referente à composição do polivitamínico mais vendido no mundo. Muito receitado por médicos de norte a sul do país, o medicamento tem a garantia de qualidade referente ao peso da marca Pfizer, que é consumida em todo o mundo.
Porém em país onde a saúde da população não é levada a sério pelos governantes e não existe fiscalização nas áreas de produção e comércio de medicamentos, tudo é possível para enganar os consumidores, até mesmo falsificar marcas famosas de medicamentos bem diante das vistas grossas da incompetente, conivente e corrupta Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa —que foi criada justamente para garantir à população a boa qualidade  dos medicamentos fabricados e comercializados no país.
Exemplo da permissividade da Anvisa e do disparate do pequeno laboratório nacional Biofhitus, com sede no município de Içara, interior de Santa Catarina, é o produto Centro de A a Z, empurrado por balconistas e farmacêuticos de farmácias de norte a sul do país.
Espertalhão, o fabricante caiçara pegou carona na fama do Centrum de A a Zinco e criou o parônimo (ou falsificado) Centro de A a Z. Não menos “espertalhões” —e também favorecidos pela falta de fiscalização e punição das vigilâncias sanitárias— muitos balconistas e até farmacêuticos enganam os pacientes com receita ou clientes consumidores trocando o conceituado multinacional 
Centrum de A a Zinco pelo barrica verde Centro de A a Z. E o que garante a existência do famigerado produto nas prateleiras das mais de 70 mil farmácias brasileiras é justamente o pagamento de propina para que o Centro seja socado goela abaixo dos consumidores.
Vídeo: farmacêutica e dona dona de farmácia diz que o laboratório copia marca famosa para “enganar mesmo!”
COMPARTILHE